MORTE

Mulher morre depois de fazer lipoaspiração em Petrolina

De acordo com a médica que cuidou do procedimento, todos os exames foram feitos em Uilma Almeida, antes da lipoaspiração

Rádio Jornal Rádio Jornal
Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 11/01/2017 às 21:07
Leitura:
Foto: Reprodução/Facebook

Uilma Almeida Fontes, 37 anos, da cidade de Cabrobó, no Sertão, morreu após passar por uma lipoaspiração em um hospital particular de Petrolina, no Sertão. A morte foi confirmada as 19h desta terça-feira (10). De acordo com informações da médica, Uilma Almeida faleceu vítima de morte subida.

Confira as informações no flash de Marco Aurélio

A irmã da vítima, Iraneide Almeida dos Santos, disse que incialmente a médica responsável pela lipoaspiração, identificada como Betânia informou a morte. “Quando a médica entrou em contato comigo, doutora Betânia, ela me falou que tinha tido uma complicação, no início ela não quis nos falar o que era. A mim ela disse que ela entrou na cirurgia... 40 minutos depois deu essa parada cardíaca e ela tentou reanimar e não conseguiu, mas falou primeiro que ela estava sendo assistida por três médicos... A uma amiga nossa ela falou: não, eu fiz a cirurgia e quando eu botei ela de “banda” na maca para colocar a cinta eu percebi que ela estava vindo a óbito”, detalhou.

A médica explicou que todos os exames necessários foram realizados por Uilma Almeida antes do procedimento. O sepultamento acontecerá nesta quinta-feira (12) no Cemitério Antigo de Cabrobó.

Lipoaspiração

processo de extração de gorduras superficiais, por punção e aspiração a vácuo, pela introdução subcutânea de uma cânula através da qual a matéria gordurosa é aspirada e retirada.

Mais Lidas