Servidores do Detran mantém greve após assembleia

Servidores do Detran estão em greve há 24 dias. Na próxima sexta-feira uma reunião será realizada com o deputado Romário Dias e um representante do governo

MOVIMENTO

Rádio Jornal

Imagem

Quem depende da volta dos servidores do Detran ao trabalho para conseguir alguns tipos de serviço oferecidos pelo órgão precisa ter mais paciência. Após assembleia realizada nesta quarta-feira (8), a categoria decidiu manter a greve, que já dura 24 dias, como afirmou o presidente do sindicato dos servidores do Detran, Alexandre Bulhões.

No entanto, está marcada para a próxima sexta-feira (10), uma nova reunião com o deputado estadual Romário Dias e um representante do governo, segundo o sindicato. Na ocasião, os servidores do Detran esperam que o governo assine um documento que vai licitar, no prazo de 30 dias, o plano de saúde da categoria. Os trabalhadores esperam ainda a redefinição de datas para as outras reivindicações.

Confira os detalhes na reportagem de Henrique Santos:

[uolmais_audio 16158697]

Reivindicações

A categoria reivindica a contratação do plano de saúde para os servidores que atualmente contam com atendimento
emergencial, assim como o pagamento de gratificação aos examinadores do pátio de provas práticas, 15% de insalubridade
para os que fazem vistorias veiculares e que a gratificação de produtividade seja estendida a todos os trabalhadores.

Serviços

Enquanto as atividades não voltam ao normal, serviços básicos como a retirada de documentos e a captura de fotos para CNH podem ser feitas na sede do Detran, na Iputinga, na Zona Oeste do Recife, ou nos postos do órgão nas unidades do Expresso Cidadão espalhadas pelo estado.

Para quem precisa fazer transferência de veículo, vistoria, testes práticos e emplacamentos, o Detran informa que os prazos serão prorrogados no fim da greve sem prejuízos.

TAGS

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

CONTINUE LENDO