CRIME

Polícia Civil investiga assassinato de detento na PE-15, em Olinda

Joabe Caetano dos Santos, de 39 anos, estava em um carro a caminho de uma consulta médica quando foi alvo de emboscada na PE-15, Olinda

Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 02/08/2017 às 17:26
Leitura:

Imagem

É de responsabilidade da Delegacia de Homicídios de Olinda, as investigações da execução de um detento com saída autorizada para uma consulta médica nesta quarta-feira (2).

Joabe Caetano dos Santos, de 39 anos, sofreu vários disparos de arma de fogo, na PE-15, na altura da Vila Popular, em Olinda, por volta das 6h, quando havia deixado a Penitenciária Agroindustrial São João, em Itamaracá, para consulta médica no Recife.

No veículo, estavam, o também detento, Gilvandro Pequeno da Silva e o ex-uber Marcelo Batista da Silva, que dirigia o veículo que levava o alvo. Os dois conseguiram fugir do carro que ficou perfurado a bala. A delegada Fabiana Leão, que fez a ouvida dos sobreviventes ainda no local, traz detalhes da execução.

No bolso da vítima, que estava utilizando tornozeleira eletrônica, a polícia encontrou uma quantia de R$ 3.600. O dinheiro será alvo da investigação, assim como o motivo da saída de Joabe.

Para o instituto de criminalística, a perícia inicial constatou mais de 20 disparos efetuados por pelo menos três homens encapuzados que desceram de um veículo preto. Provavelmente ele seguiu a vítima desde Itamaracá.

Confira os detalhes na reportagem de Rafael Carneiro:

Nota da Seres

A Secretaria Executiva de Ressocialização (Seres) informa que o detento Joabe Caetano dos Santos, 39 anos, da Penitenciária Agroindustrial São João (PAISJ), teve direito, na manhã desta quarta, à permissão de saída sob monitoramento eletrônico para consulta médica, conforme prevê a Lei de Execução Penal.

Para sair da unidade prisional, ele apresentou confirmação do agendamento e do horário do retorno - sendo revistado o detento e a cela ocupada por ele antes da saída. Já em relação ao transporte, a Seres alega que é de responsabilidade do reeducando.

Mais Lidas