VIOLÊNCIA

Polícia Civil investiga de onde partiu tiro que matou criança no Ibura

Uma criança de apenas 2 anos foi baleada na cabeça após uma suposta troca de tiros no Ibura entre policiais militares e supostos criminosos

Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 04/08/2017 às 17:37
Leitura:

Imagem

Mais uma pessoa morreu vítima da violência que atinge Pernambuco. Dessa vez, uma criança de apenas dois anos foi baleada na cabeça durante uma suposta troca de tiros na Rua Alto da Boa Esperança, no Ibura, na Zona Sul do Recife. O caso aconteceu nesta sexta-feira (4).

Segundo informações da polícia, Sthefany Vitória da Silva estava na frente da casa de uma vizinha. Ela tinha saído de casa com a tia, uma adolescente de 13 anos, para comprar pipoca. Numa troca de tiros entre policiais militares e supostos criminosos, uma das balas atingiu a cabeça da criança.

A menina foi socorrida para a UPA de Lagoa Encantada, mas não resistiu ao ferimento.

O repórter Leopoldo Monteiro tem os detalhes:

Revolta de moradores

Imagem

Os familiares da crianças estão revoltados e reclamaram da violência. Os moradores da localidade realizaram um protesto e interditaram a BR-101 Sul na tarde desta sexta-feira (4).

A informação é de que os três suspeitos que supostamente trocaram tiros com a PM foram detidos e levados para a Delegacia da Mustardinha.

A Polícia Civil vai investigar de onde partiu o tiro que matou a menina. Se das armas dos policiais militares ou dos suspeitos.

Mais Lidas