REIVINDICAÇÕES

Em protesto por reajuste, guardas municipais do Recife ocupam PCR

Os servidores municipais do Recife estão em greve há oito dias. Eles reivindicam reajuste salarial de 17%, mas a prefeitura ofereceu apenas 2%

Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 08/08/2017 às 15:09
Leitura:

Imagem

Centenas de servidores de diversas áreas da Prefeitura do Recife protestam em frente ao edifício sede na Rua Cais do Apolo, no bairro do Recife, desde o final da manhã desta terça-feira (8).

Eles reivindicam um reajuste salarial de 17%, mas a prefeitura só ofereceu 2% de acordo com a arrecadação líquida e só para o mês de novembro. As categorias, no entanto, não aceitaram a proposta.

Confira no flash de Clarissa Siqueira:

Uma comissão está reunida com o secretário de Finanças do Recife, Ricardo Dantas, para tentar definir o rumo da greve dos servidores que já dura oito dias. Um grupo de guardas municipais ocupou o nono andar da prefeitura e está acampado aguardando um posicionamento da reunião.

Lúcia Miranda, representante do sindicato que representa os servidores públicos municipais, explicou que o protesto começou ainda pela manhã. “Depois de várias tentativas de negociação, a nossa data base é em janeiro, desde janeiro que tentamos negociar alguma coisa e agora a prefeitura vem com o percentual de 2%”, criticou. “Nós sabemos que a prefeitura hoje tem um superávit e não aceitamos de forma alguma esse tipo de negociação, que é desrespeitosa, não condiz com a valorização do servidor da prefeitura”, reclamou.

Imagem

Segundo o Lúcia, dependendo do retorno da reunião, os servidores definirão os rumos da paralisação.

Mais Lidas