ECONOMIA

Governo Federal decide manter horário de verão em 2017

O horário de verão terá início no dia 15 de outubro e a população das regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste terão que adiantar os relógios em uma hora

Rádio Jornal Rádio Jornal
Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 25/09/2017 às 13:57
Leitura:

Imagem

Após impasse sobre fim do horário de verão, nesta segunda-feira (25), o Ministério de Minas e Energia decidiu mantê-lo em 2017. As regiões Norte e Nordeste, no entanto, não precisarão adiantar os relógios em uma hora. A mudança nos ponteiros afetará as regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste a partir do dia 15 de outubro.

A ideia de acabar com o horário do verão neste ano no Brasil surgiu após estudos realizados pelo Operador Nacional do Sistema Elétrico (NOS) indicarem que a mudança não seria mais eficaz no ponto de vista econômico, diferentemente dos anos anteriores.

Eles mostram que o consumo de eletricidade pela população está sendo mais influenciado pela luminosidade e temperatura do que pelo horário. Os relatórios foram levados à Casa Civil e discutidos internamente no Palácio do Planalto junto ao ministério.

Leia também

Governo quer ouvir população sobre extinção do horário de verão

Futuro incerto do horário de verão

Embora já tivesse sido praticado desde 1931 pelo governo de Getúlio Vargas, o horário de verão passou a ser permanente a partir de 2008. A medida começa em 15 de outubro e vai até o terceiro domingo de fevereiro, a não ser se este antecipar o Carnaval. Desta forma, o horário de verão 2017/2018 acabará em 19 de fevereiro, quando os relógios deverão ser atrasados em uma hora.

O horário do verão está confirmado para 2017. O martelo ainda não foi batido em relação ao ano de 2018.

Mais Lidas