Estado grave

Mulher baleada pelo marido PM segue em estado grave no HR

Soldado da PM, Carlos Alberto Mendes da Silva Júnior, confessou ter disparado contra esposa. Em depoimento, o suspeito afirmou que o tiro foi acidental

Rádio Jornal Rádio Jornal
Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 27/09/2017 às 14:01
Leitura:

Imagem

O soldado da PM Carlos Alberto Mendes da Silva Júnior, 35, foi preso na tarde dessa terça-feira (26) após ter confessado à polícia ter atirado no pescoço da esposa, identificada como Débora Maria de Oliveira, 40. Segundo as investigações, o revólver utilizado no crime foi comprado dias antes do acontecimento. Carlos Alberto alegou que o disparo foi acidental.

"Ele [Carlos Alberto] alegou que o disparo foi acidental e que o objetivo era dar um susto na esposa. Quando perguntei que susto foi esse, ele ficou em silêncio", disse a delegada Silvana Carla, a frente das investigações.

Confira o relato da delegada a frente do caso

Débora passou por cirurgia e está internada em estado grave no Hospital da Restauração.

Tentativa de homicídio

A vítima ainda não teve condições de prestar depoimento. Carlos Alberto pode responder pelo crime de tentativa de homicídio.

Mais Lidas