Ordem de justiça

Abrigo de idosos interditado pela Justiça permanece aberto no Recife

Inquérito criminal foi aberto sobre o caso que deve ser investigado pela polícia; abrigo de idosos deve ser fechado em até oito dias

Rádio Jornal Rádio Jornal
Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 04/10/2017 às 10:53
Leitura:

Alterada em 04.10.2017 às 17:13

Imagem

Uma abrigo de idosos que teve, pela segunda vez, as atividades suspensas por determinação judicial nessa terça-feira (3), permanece aberto no bairro da Iputinga, Zona Oeste do Recife. O fechamento do espaço foi determinado pela Justiça, em consequência de uma série de irregularidades. Antes, o mesmo abrigo funcionava no bairro do Cordeiro, também a Zona Oeste, e foi transferido clandestinamente para a Iputinga.

A Rádio Jornal esteve no local na manhã desta quarta-feira (4) no local. A proprietária, identificada como Luciene Botelho, demonstrou irritação, negou as denúncias e não quis gravar entrevista. O secretário executivo de Direitos Humanos, Eduardo Figueiredo, afirmou que o imóvel não tem registro de funcionamento e que os idosos vivem em situação precária.

Imagem

"Infelizmente, pela reincidência, há responsabilização criminal. Está ao cargo da polícia o andamento do inquérito", disse o secretário. A casa de repouso tem até oito dias para encerrar as atividades.

Acompanhe os detalhes na reportagem de Kimberly Neri

Veja imagens do abrigo de idosos interditado

[GALERIA]

Mais Lidas