DESPEDIDA

Corpos vão até presídio para que filho se despeça dos pais

Funerária levou os caixões com os corpos até a porta do Presídio Frei Damião de Bozzano a pedido do filho do ex-casal, que está detido na unidade

Rádio Jornal Rádio Jornal
Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 24/10/2017 às 15:16
Leitura:

Imagem

Os corpos de Roseildo Teixeria, de 50 anos, e Marinalva Texeira, de 38, foram para o presídio Frei Damião de Bozzano, no Complexo Aníbal Bruno, no bairro do Curado, nesta terça-feira (24) para que o filho do ex-casal pudesse se despedir dos pais.

De acordo com informações de familiares, o jovem de 23 anos, que está recluso na unidade prisional, pediu para ver os corpos dos pais antes do sepultamento e teve o pedido atendido. A funerária responsável foi quem levou esses corpos até o portão do Frei Damião, onde o rapaz pode ter acesso aos caixões.

Em seguida os corpos seguiram para o cemitério de Santo Amaro, para início do velório. O enterro dos corpos de Roseildo e Marinalva está previsto para o final da tarde.

Por meio de nota, a Secretária de Executiva de Ressocialização informa que, de acordo com a Lei de Execução Penal, é assegurado à Pessoa Privada de Liberdade o direito a se deslocar, sob escolta, ao velório de cônjuge, companheiro, ascendente, descendente ou irmão ou, na impossibilidade de escolta, receber o corpo do parente na unidade prisional.

O crime

Roseildo Teixeira assassinou Marinalva a tiros e depois cometeu suicídio na manhã desta segunda-feira (23), no bairro da Mangueira, no Recife. Os dois foram casados e estavam separadas havia um ano. O crime aconteceu na frente de uma criança de 10 anos, filho mais novo do casal.

O repórter Michael Carvalho, da TV Jornal, acompanhou a despedida aos corpos na tarde desta terça (24) e trouxe os detalhes em conversa com Graça Araújo durante o programa Rádio Livre.

Mais Lidas