Rio de Janeiro

Atentado mata comandante de batalhão da PM no Rio de Janeiro

Coronel Luiz Gustavo Teixeira foi atingido no peito por um disparo de fuzil em atentado realizado por bandidos

Rádio Jornal Rádio Jornal
Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 26/10/2017 às 13:17
Leitura:

Imagem

O coronel Luiz Gustavo Teixeira, 48, comandante do 3º batalhão da PM do Rio de Janeiro, morreu em uma atentado a tiros na manhã desta quinta-feira (26). O carro dele foi atingido por 17 disparos, um deles atingiu o peito do policial, que chegou a ser levado para o Hospital Municipal Salgado Filho, na Zona Norte do Rio, passou por cirurgia mas não resistiu.

Inicialmente, a Polícia Militar do Rio de Janeiro informou que estava apurando as circunstâncias da ocorrência e posteriormente, através da conta oficial no twitter, confirmou que Luiz Gustavo sofreu um atentado.

Segundo informações, o crime aconteceu em rua do bairro do Meiér, na Zona Norte da capital carioca. A polícia havia sido chamada para atuar contra um arrastão que estava sendo feito no local. Os bandidos pararam o carro na frente dos policiais, que reagiram. Um disparo de fuzil teria atingido o coronel da PM. O motorista do carro foi atingido na perna e não corre risco de morte.

Luiz Gustavo deixa esposa e filhos

Imagem

O coronel Luiz Gustavo Teixeira é o 111º policial militar a ser assassinado no Rio de Janeiro somente neste ano. Ele serviu a PM do Rio de Janeiro por 26 anos e deixa esposa e dois filhos.

Mais Lidas