"A gente não tem nada para comer", protesta operadora de call center

Segundo os manifestantes, operadores de call center foram demitidos e não receberam as verbas rescisórias

PROTESTO

Rádio Jornal

Imagem

Dezenas de operadores de call center protestaram na noite desta nesta quarta-feira (08) em frente a uma empresa do ramo, localizada na Boa Vista, Centro do Recife. Segundo informações dos protestantes, 500 funcionários foram desligado da empresa até o fim de outubro. Eles afirmam que estavam com salários e tiket alimentação atrasados e além disso, não tiveram nenhum tipo de retorno do empregador para o pagamento das verbas rescisórias.

Ouça os detalhes com o repórter Thales Kírion:

[uolmais_audio 16347881]

Novo protesto

Os manifestantes confirmaram realizar outro ato em frente a empresa devedora, nesta quinta-feira (09). A concentração está prevista para as 8h30 da manhã no local.

TAGS

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

CONTINUE LENDO