TRAGÉDIA

Pai e filha vítimas de acidente respiram com ajuda de aparelhos

Motorista que provocou acidente de trânsito na Tamarineira está preso e foi autuado por triplo homicídio com dolo eventual e duas lesões corporais graves

Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 28/11/2017 às 15:37
Leitura:

Imagem

Continuam internadas em um hospital particular no bairro do Derby, na área central no Recife, as duas únicas vítimas sobreviventes do acidente de trânsito que aconteceu na noite do último domingo no bairro da Tamarineira, na Zona Norte do Recife, onde resultou na morte de três pessoas entre elas mãe, filho e uma babá que trabalhava para a família.

O marido da mulher morta e a filha do casal de cinco anos estão em estado grave na Unidade de Terapia Intensa (UTI). De acordo com o boletim médico, Miguel Arruda da Mota Silveira Filho teve pancadas no abdômen e passou por cirurgia e a criança Marcela Guimarães teve traumatismo craniano. Ela também passou por procedimento cirúrgico e está sedada. Tanto o pai quanto a filha respiram com ajuda de aparelhos.

O motorista responsável pelo crime, o empresário João Victor Ribeiro de Oliveira Leal, de 25 anos, teve prisão preventiva decretada e está no Cotel, em Abreu e Lima, na Região Metropolitana do Recife.

A Polícia Civil continua as investigações e tem o prazo de sete dias para concluir o inquérito. Provas técnicas do crime estão sendo recolhidas como detalha o delegado adjunto da Delegacia de Delitos de Trânsito, Paulo Jean.

Em depoimento, o acusado confessou ser usuário de drogas. E ainda de acordo com o delegado no dia do acidente João Vitor Oliveira estava com uma pulseira de identificação de consumo livre em um bar na Zona Norte.

Além de ser autuado pelos crimes de triplo homicídio com dolo eventual e duas lesões corporais graves, a polícia também irá solicitar a cassação da Carteira Nacional de Habilitação do motorista.

Imagens das câmeras de segurança instaladas no local do crime também estão sendo usadas pela polícia.

Confira os detalhes na reportagem de Juliana Oliveira:

Relembre o caso

Na noite do último domingo (26), um carro com cinco pessoas, incluindo duas crianças, foi atingido por outro veículo no cruzamento da Rua Cônego Barata com a Estrada do Arraial, na Zona Norte do Recife.

Estavam no carro no momento do acidente, quatro pessoas de uma mesma família e a babá das crianças. Na hora, morreram a servidora do Tribunal de Justiça de Pernambuco, Maria Emília Guimarães Silveira, de 39 anos, e a babá Roseane Maria de Brito Souza, de 23 anos, que estava grávida de três meses.

O marido de Maria Emília, Miguel Arruda da Motta Silveira Filho, de 46 anos, a filha dele, Marcela Guimarães Motta Silveira, de sete anos, e o filho do casal, Miguel Arruda da Motta Silveira Neto, de três anos, foram encaminhados para hospitais do Recife. O menino, no entanto, não resistiu aos ferimentos e faleceu na tarde desta segunda-feira (27).

As três vítimas fatais foram sepultadas ainda nesta segunda-feira.

Mais Lidas