VIOLÊNCIA CONTRA MENOR

Preso por estuprar e engravidar enteada de 12 anos ameaçava vítima

A menina de apenas 12 anos foi vítima dos estupros do padrasto por cerca de um ano; homem fazia ameaças de que mataria mãe da garota

Rádio Jornal Rádio Jornal
Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 29/11/2017 às 17:54
Leitura:

Imagem

A Polícia Civil de Pernambuco apresentou os detalhes da prisão de um pintor de 58 anos acusado de estuprar e engravidar a enteada dele, uma adolescente de 12 anos de idade. O homem foi detido na última terça-feira (28). Contra ele havia um mandado de prisão preventiva pelo crime de estupro de vulnerável já que a vítima é menor de 14 anos.

De acordo com a polícia, o pintor morava com a família há quatro anos no bairro de Casa Amarela, na Zona Norte do Recife e há cerca de um ano estava cometendo o abuso sexual.

Em depoimento à polícia, a vítima confessou que o padrasto fazia ameaçavas e jurava matar a mãe dela caso a adolescente contasse o crime à família.

O delegado gestor do Departamento de Proteção à Criança e ao Adolescente, Darlson Macedo, ouviu a garota. Ela disse que decidiu contar a mãe sobre os atos após a irmã mais velha ter desconfiado das mudanças no corpo devido a gravidez.

Confira os detalhes na reportagem de Juliana Oliveira:

Mãe não sabia dos abusos

Ainda de acordo com o delegado, a mãe da garota não sabia dos abusos. Após a denúncia, o pintor deixou a casa da família. Ele foi preso no momento em que realizava um serviço de pintura em uma residência no recife próximo ao local onde morava. O homem foi encaminhado ao Cotel, em Abreu e Lima, na Região Metropolitana do Recife.

Mais Lidas