ACIDENTE TAMARINEIRA

Estado de saúde de Marcela Guimarães segue grave, mas estável

O pai de Marcela, Miguel Arruda da Motta Silveira Filho permanece internado no CTI de um hospital no Recife, ele apresentou melhora clínica e encontra-se consciente

Rádio Jornal Rádio Jornal
Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 01/12/2017 às 20:35
Leitura:

Imagem

Um boletim com informações sobre o estado de saúde dos dois sobreviventes do acidente acontecido na Tamarineira no último domingo (26) foi divulgado pelo hospital, no qual, os pacientes encontram-se internados.

O estado de saúde de Marcela Guimarães da Motta Silveira de 4 anos segue grave. Ela permanece internada na Unidade de Tratamento Intensivo UTI pediátrica da instituição, na qual, foi admitida com quadro de traumatismo cranioencefálico devido ao acidente. A paciente permanece em estado grave, ainda respirando com a ajuda de aparelhos, mas com quadro neurológico estável.

Leia Também:

» Vítima fatal de acidente na Tamarineira recebe homenagem de amigo

» Motorista que causou acidente com mortes diz não lembrar da colisão

Já o pai dela, Miguel Arruda da Motta Silveira Filho permanece internado no Centro de Tratamento e Terapia Intensiva CTI da instituição, por conta de traumas no tórax e no abdome.

Imagem

O acidente

Por volta 19h30 do último domingo, o jovem João Victor Ribeiro de 25 anos se envolveu em um acidente após, ultrapassar o sinal vermelho no cruzamento da Rua Cônego Barata com a Estrada do Arraial. O carro dele se chocou com outro enquanto ele dirigia alcoolizado, em alta velocidade. O acidente resultou na morte de Maria Emília Guimarães da babá família, Rose Maria de Brito, que tinha 23 anos e estava grávida de três meses e do filho mais novo Miguel Arruda da Motta Silveira Neto, de três anos. João Victor teve a prisão preventiva decretava da última segunda-feira e segue no Cotel.

Mais Lidas