Violência

Homem é encontrado morto com mais de 20 facadas no Recife

Polícia Civil investiga se crime pode ter ligação com homofobia. Corpo do homem foi encontrado próximo ao Hospital Geral de Areias, na Zona Oeste

Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 02/12/2017 às 11:13
Leitura:

Imagem

A Polícia Civil de Pernambuco investiga a morte de um homem encontrado com mais de 20 facadas no corpo em um matagal próximo ao Hospital Geral de Areias, na Zona Oeste do Recife. De acordo com o delegado João Batista de Brito, há duas linhas de investigações possíveis para o crime: envolvimento com o tráfico de drogas ou homofobia.

O corpo foi encontrado na manhã deste sábado (2), mas se acredita que o crime deve ter ocorrido durante a madrugada. O homem, que estava sem identificação, foi encontrado com mais de 20 facadas espalhadas pelo tórax, pescoço e costas. "Apesar de não haver identificação, testemunhas afirmam que ele era homossexual e que era usuário de drogas. Vamos trabalhar com essas duas linhas de investigação", detalhou João Baptista.

Investigação

Questionado se a quantidade de facadas pode indicar um possível crime de ódio, como homofobia, o delegado foi cauteloso. "A faca é um instrumento que não mata com um primeiro golpe. É diferente da arma de fogo. A vítima pode ter tentado se defender, ter entrado em luta corporal antes de morrer", explicou, afirmando que solicitou uma perícia tanatoscópica que vai confirmar o horário da morte e se houve luta corporal.

O Instituto de Criminalística (IC) também periciou o local para tentar ajudar a identificar a autoria do crime.

Mais Lidas