OPERAÇÃO TORRENTES

“Cautela” diz Governo sobre denúncia do MPF na Operação Torrentes

Por meio de nota, o Governo de Pernambuco se posicionou sobre denúncia do Ministério Público Federal apresentada à Justiça nesta segunda-feira (18)

Rádio Jornal Rádio Jornal
Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 18/12/2017 às 22:33
Leitura:

Imagem

Por meio de nota o Governo de Pernambuco se posicionou sobre mais um desdobramento da Operação Torrentes. Nesta segunda-feira (18) o Ministério Público Federal, no estado, apresentou denúncia contra quatro oficiais da Polícia Militar de Pernambuco e quatro empresários por envolvimento nos desvios de verbas que seriam destinadas as vítimas das enchentes que assolaram a Mata Sul de PE entre 2010 e 2017.

No texto, o Governo informou que apoia as investigações e diz que está à disposição de forma transparente em cooperar com informações. A nota ainda pede cautela para não “condenar de forma antecipada servidores públicos estaduais sem o necessário processo legal”

Confira o texto na íntegra:

O Governo do Estado apoia toda investigação que tenha como objetivo impedir o mau uso de recursos públicos. E reforça a disposição, a transparência e a determinação do Governo em prestar todas as informações solicitadas pelos órgãos de controle - como sempre fez.

Também é importante relembrar da excepcionalidade que Pernambuco viveu após a enchente de 2010, que afetou de forma dramática a vida de milhares de pernambucanos da Zona da Mata.

É fundamental, ainda, ter a devida cautela para não condenar de forma antecipada servidores públicos estaduais sem o necessário processo legal.

Mais Lidas