ABANDONO

Mulher que abandonou bebê com desconhecida na Boa Vista é identificada

A mulher, supostamente a mãe do bebê, é usuária de drogas e faz parte de um programa de tratamento para pessoas em situação de vulnerabilidade

Rádio Jornal Rádio Jornal
Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 20/12/2017 às 15:31
Leitura:

Imagem

O Conselho Tutelar do Recife já identificou a mulher que abandonou a filha, um bebê de cinco meses de idade, no bairro da Boa Vista, na área central do Recife, nesta terça-feira (19). A mãe abordou uma pessoa na rua e pediu para que ela segurasse a criança enquanto iria numa farmácia próxima à Praça Maciel Pinheiro. Ela não retornou.

Ao perceber a demora, a mulher que segurava a criança procurou a polícia. ?O Departamento de Polícia da Criança e do Adolescente (DPCA) encaminhou a denúncia ao Conselho Tutelar, que acompanha o caso. O conselheiro tutelar André Torres disse que recebeu a informação sobre a mulher na manhã desta quarta. “Ela faz parte de um programa de tratamento para pessoas que estão em vulnerabilidade e fazem uso abusivo de drogas. Ela saiu ontem para dar uma volta com a criança e não retornou ao espaço até o momento”, contou.

Segundo o conselheiro, a criança não foi registrada ainda, apesar de já ter cinco meses. “Acho que o primeiro abandono que surge aí é do pai, que não reconheceu a paternidade da criança”, lamentou.

Confira os detalhes na reportagem de Felipe Pessoa:

Família tem interesse

De acordo com o conselheiro, o bebê está bem e recebe cuidados na casa de acolhida para onde foi encaminhado. Ainda segundo André, familiares já demonstram interesse pela guarda da criança.

Vale destacar que procurar as autoridades é o melhor caminho em situações como essa. O conselheiro ressalta o que deve ser feito. “Em casos como esse, procure o Conselho Tutelar mais próximo de sua residência ou a delegacia especializada, no caso DPCA. Onde não tiver a especializada, você procura qualquer delegacia para agilizar o retorno dessa criança aos familiares”, orientou.

Mais Lidas