FEMINICÍDIO

Polícia quer prisão preventiva de jovem que matou namorada de 14 anos

José Jorge Possidônio Ferreira, de 26 anos, matou a namorada Sibelly Carla,14, com uma facada no dia 1º de janeiro; segundo ele, crime foi acidental

Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 04/01/2018 às 14:21
Leitura:

Imagem

O principal suspeito de assassinar com uma facada a namorada Sibelly Carla de Lima Souza, de 14 anos, foi preso na manhã desta quinta-feira (4) pela polícia. José Jorge Possidônio Ferreira, de 26 anos, foi detido pelo delegado Valdenilton Cavalcanti, titular da Delegacia de São Lourenço da Mata, na residência da mãe dele.

Prisão preventiva

O delegado Valdenilton Cavalcanti, afirma que José Jorge já foi indiciado por furto, mas não há conhecimento sobre o possível duplo homicídio. Ele garante que vai pedir à justiça a prisão preventiva do suspeito. “Quando tomou a faca da menina ele sabia que podia acontecer esse tipo de faca. Houve o homicídio. Se acidental ou não ele tirou a vida da menina, trancou o corpo. Por que ele não socorreu, ligou para a polícia?”, disse.

Imagem

De acordo com o suspeito, o crime foi acidental. Ele contou que houve uma discussão com a namorada e que teria sido motivada por ciúmes dela. Em seguida, a garota pegou uma faca e ficou ameaçando atingi-lo. “De repente eu tomei a faca dela, ela veio tomar da minha mão de novo, aí eu puxei de lado e sem querer furou ela, no peito. Quando eu virei as costas ela já estava caindo”, relatou.

Relembre o caso

Sibelly Carla de Lima Souza, de 14 anos foi morta com uma facada no peito em São Lourenço na madrugada do dia 1º de janeiro e achada na casa onde vivia com o ex-companheiro na madrugada desta quarta-feira (3).

O corpo da adolescente foi enterrado na manhã desta quinta, no cemitério da várzea, sob forte comoção da família. A mãe da jovem, Elizabeth Carla, não aceitava o relacionamento com o rapaz. Ela afirma que nunca viu o suspeito agredir a filha, mas soube depois da morte de Sibelly que ele teria praticado outro crime.

Confira os detalhes na reportagem de Jessica Lima:

Mais Lidas