INTERNACIONAL

“Minha heroína”, diz Simone Bailes sobre juíza que condenou abusador


O ex-médico da Federação de Ginástica dos EUA Larry Nassa foi condenado a 175 anos de prisão. Simone também sofreu abuso.

Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 25/01/2018 às 1:00
Leitura:

Imagem

A Justiça Americana condenou o ex-médico da Federação de Ginástica dos Estados Unidos Larry Nassar nesta quarta-feira (24), a 175 anos de prisão, por abuso sexual contra dezenas de jovens. A sentença foi proferida pela juíza Rosemaire Aquilina.

Poucos dias antes do julgamento, a ex-campeã olímpica Simone Biles publicou carta nas redes sociais contando ter sido abusada sexualmente por Nassar.E na noite da quarta, a americana usou sua rede social para agradecer a juíza. No post, que já chega a quase 200 mil curtidas, ela chama a magistrada de "minha horoína".

Confira a publicação em tradução livre:

Para juíza Aquilina: OBRIGADO, VOCÊ É MINHA HEROÍNA. Embora não haja um caminho para a cura. Eu sei que isso me faz sentir aliviado de não poder machucar mais almas belas.

Eu só queria gritar todos os outros sobreviventes por serem tão corajosos e falar como as rainhas que você está enquanto olha esse monstro e não deixando isso destruí-lo. Ele não terá mais o poder de roubar nossa felicidade ou alegria. Eu estou com cada um de vocês

Veja a publicação


Mais Lidas