CENTRO DO RECIFE

Ambulantes ateiam fogo em pneus durante protesto na Rua Direita


Com tumulto, comerciantes fecharam lojas. Os ambulantes afirmam que as mercadorias estão sendo apreendidas e a taxa para liberação é R$ 500

Maria Luiza Falcão
Maria Luiza Falcão
Publicado em 03/04/2018 às 11:59
Rafael Carneiro/Rádio Jornal
FOTO: Rafael Carneiro/Rádio Jornal
Leitura:

Numa tentativa de remover ambulantes que trabalham nas ruas no comércio popular do recife, houve um princípio de tumulto registrado na manhã desta terça-feira (3) na Rua Direita, no bairro de São José, área central do Recife. Além de muita confusão e gritaria, um confronto entre ambulantes e funcionários da Diretoria Executiva de Controle Urbano do Recife (Dircon) assustou comerciantes e clientes. A Polícia Militar foi chamada para conter o conflito.

Ambulantes reclamam da truculência da PM durante o protesto. Veja no vídeo de Rafael Carneiro:

Durante o tumulto, lojistas fecharam as portas e os pedestres precisaram se esconder. Pneus e entulho são queimados pelos manifestantes. Fogos de artifício são utilizadas pelos ambulantes durante o protesto, o que deixa o clima ainda mais tenso. Saiba mais nas reportagens de Rafael Carneiro:

Direitos desiguais

Os ambulantes afirmam que as mercadorias estão sendo apreendidas de maneira recorrente e a taxa para liberação é R$ 500. De acordo com eles, um outro grupo está autorizado a trabalhar no local e eles não têm essa autorização.


Mais Lidas