violência

SDS aponta redução de 27% nas ocorrências de roubo de celular


Resultado é atribuído ao programa “Alerta Celular”, usado para identificar os donos de celulares apreendidos pela polícia

Mayra Milenna Gomes
Mayra Milenna Gomes
Publicado em 21/07/2018 às 18:32
Foto: Cortesia/ Polícia Civil
FOTO: Foto: Cortesia/ Polícia Civil
Leitura:

O jornalista e estudante de direito Júlio Cirne foi assaltado três vezes este ano. Em todas as ocasiões, o alvo dos criminosos foi o mesmo: o celular. Só no primeiro semestre deste ano, 18.659 aparelhos foram roubados ou furtados em Pernambuco. Apesar do número alto, a Secretaria de Defesa Social comemora a redução de 27% de ocorrências em relação ao mesmo período de 2017.

O bom resultado é atribuído ao programa “Alerta Celular”, implantado no Estado há um ano e quatro meses. Nos seis primeiros meses deste ano, a polícia apreendeu 2.406 celulares, 610% a mais que no primeiro semestre do ano passado. De acordo com o gerente de análise criminal e estatísticas da SDS, Major Jonas Moreno, quem for pego pela polícia com um aparelho roubado ou furtado vai responder pelo crime de receptação.

Ouça informações completas:

Para fazer o cadastro no programa “Alerta Celular” é preciso entrar no site da SDS neste link https://www.alertacelular.sds.pe.gov.br/#/login. Após ler algumas instruções, o usuário deve clicar no link do cadastro e preencher um formulário. Ao finalizar o processo, é enviada uma mensagem de ativação para o e-mail. É necessário criar uma senha e depois disso é possível cadastrar quantos aparelhos quiser.

Apesar do processo ser simples, alguns usuários já relataram dificuldades na hora do cadastro. Por conta disso, a Secretaria de Defesa Social pede que as pessoas fiquem atentas ao spam ou lixo eletrônico do e-mail. É que a mensagem de ativação pode ser enviada pra lá. Se mesmo assim houver alguma dificuldade e o cadastro não for finalizado, é possível entrar em contato com aSDS pelo telefone 3183.5063.

Nordeste

O programa também está disponível em outros estados como pará e Paraíba. Além da expansão no Nordeste, o Ministério da Segurança Pública já está em contato com a Secretaria de Defesa Social e a expectativa é que, em breve, ele esteja disponível em todo Brasil. Atualmente, apenas 2% dos celulares de Pernambuco estão cadastrados no programa. A SDS reforça que, ao ter o aparelho furtado ou roubado, é preciso registrar o boletim de ocorrência do fato. A meta da SDS é recuperar cerca de 6 mil aparelhos até o fim do ano.


Mais Lidas