CONFUSÃO

PM pernambucano é preso após atirar em irmão de policial civil no RN


O PM também foi atingido por um tiro do policial civil, mas recebeu alta e foi encaminhado à central de flagrantes do Rio Grande do Norte

Maria Luiza Falcão
Maria Luiza Falcão
Publicado em 22/07/2018 às 16:45
Imagem ilustrativa/Fotos Públicas
FOTO: Imagem ilustrativa/Fotos Públicas
Leitura:

Um policial militar de Pernambuco foi preso na madrugada deste domingo (22) após uma troca de tiros em uma boate em Pipa, no município de Tibau do Sul, no litoral sul do Rio Grande do Norte. Segundo as informações da Polícia Militar, o PM atirou contra o irmão de um policial civil após uma discussão.

De acordo com as testemunhas, o policial civil do Rio Grande do Norte e o irmão dele começaram a discutir com o PM pernambucano, que reagiu à agressão com disparos de arma de fogo. Um homem foi atingido no abdômen, enquanto o policial civil atirou contra a perna do PM.

Autuado em flagrante

Após a troca de tiros, os dois foram encaminhados para o Hospital Walfredo Gurgel. O PM já recebeu alta e foi conduzido para a Central de Flagrantes de Natal, onde foi autuado em flagrante e aguarda a audiência de custódia. Não há informações sobre o policial civil envolvido na briga ou o estado de saúde do irmão dele.

Veja a nota da Polícia Militar

A Polícia Militar esclarece que, na madrugada de hoje (22), por volta das 2h30min, um policial militar de Pernambuco que estava em uma boate em Pipa, no município de Tibau do Sul, no litoral do Rio Grande do Norte, teria se envolvido em uma discussão. Um homem teria tentando lhe agredir, momento que o policial teria atirado no individuo, vindo a atingir seu abdômen. O irmão do rapaz baleado, que seria policial civil, também teria atirado contra o PM, acertando-o na perna. O Policial Militar foi socorrido para um hospital local, onde foi atendido e já recebeu alta. Ele foi conduzido à Delegacia, onde foi autuado em flagrante e aguarda audiência de custódia.


Mais Lidas