ESPETÁCULO

Atriz travesti de peça sobre Jesus vai processar Governo do Estado


Renata Carvalho afirma que foi desrespeitada pela Fundarpe. Nova decisão do TJPE exige que peça sobre Jesus travesti entre no FIG ainda neste sábado

Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 28/07/2018 às 10:14
Foto: reprodução
FOTO: Foto: reprodução
Leitura:

A atriz travesti Renata Carvalho afirma que vai processar o governo do estado após confusão no Festival de Inverno de Garanhuns. Poucas vezes uma encenação teatral mobilizou tanto a justiça como o acontecido com o espetáculo “O Evangelho segundo Jesus, Rainha do Céu”. Em um intervalo de três dias, três decisões judiciais mantiveram ou retiraram a atração da grade oficial do FIG.

A última decisão foi tomada no fim da noite da última sexta-feira (27). O presidente em exercício do Tribunal de Justiça de Pernambuco, desembargador Cândido Saraiva, manteve a decisão para colocar a peça na programação do FIG neste sábado (28), último dia do evento. Escute os detalhes na reportagem de Rafael Souza.

Duelo judicial

Caso a nova medida do Governo do Estado seja descumprida, o estado e a prefeitura do município terão que pagar multa de 50 mil reais. Até o momento, o Governo do estado afirma que não foi notificado da decisão.

Através da assessoria de imprensa, a Prefeitura de Garanhuns informa que a Fundarpe é quem é responsável pela contratação do espetáculo e que a prefeitura não vai ceder o espaço para a realização da peça. A edição 28 do Festival de Inverno de Garanhuns chega ao fim na noite deste sábado.


Mais Lidas