aldeia

Pai de médico esquartejado disse que não visitará neto na cadeia


Francisco Ferreira da Silva chegou ao Recife com a esposa e falou que não vai visitar o neto porque não terá diálogo

Mayra Milenna Gomes
Mayra Milenna Gomes
Publicado em 02/08/2018 às 7:30
Foto: Reprodução TV Jornal
FOTO: Foto: Reprodução TV Jornal
Leitura:

Quem chegou a Pernambuco na noite desta quarta-feira (2) foram os pais de Denirson Paes da Silva, cardiologista esquartejado em Aldeia e cujos restos mortais foram encontrados no dia 4 de julho, no fundo de um poço de 25 metros de profundidade no imóvel. Francisco Ferreira da Silva e Bertolina Paes acompanham o neto, o filho mais novo da família do médico. O jovem vai morar no apartamento adquirido recentemente pela vítima. Bertonila reconhece que não é fácil suportar a perda tão precoce, inesperada.

"Essa mágoa só vai acabar quando eu morrer. É muito ruim. Não desejo essa dor pra ninguém. Não quero cair, quero ter força , tô pedindo a Deus e a Jesus Cristo", disse a mãe. Francisco falou do neto preso e que não vai visitar porque não terá diálogo.

Ouça depoimento dos pais de Denirson Paes:

O médico Denirson Paes da Silva foi visto com vida pela última vez em 31 de maio chegando no residencial onde morava, em Aldeia. A Polícia Civil não concluiu o inquérito, mas está convicta de que a vítima foi morta pela mulher e pelo filho mais velho.

A farmacêutica Jussara Rodrigues Silva Paes segue na Colônia Penal Feminina do Bom Pastor, no bairro do Engenho do Meio, no Recife. Já o engenheiro civil Danilo Rodrigues Paes continua recluso no Centro de Observação e Triagem em Abreu e Lima (Cotel). A prisão é temporária por 30 dias, podendo se estender caso a polícia entenda que os dois possam atrapalhar as investigações.

Depoimento

A polícia acredita que o pedido de separação por parte do cardiologista motivou o homicídio e a ocultação de cadáver. A defesa dos dois sustenta a inocência e pretende ingressar com um pedido de liberdade no Superior Tribunal de Justiça (STJ), em Brasília. Esta quinta-feira (2), os dois devem prestar depoimento na delegacia de Camaragibe sobre o casal.


Mais Lidas