Polícia

Polícia Civil cumpre 19 mandados de prisão em operação no Recife e RMR


Operação Ponto Cego cumpriu 19 mandados de prisão e 16 de busca e apreensão em ação para desarticular quadrilha

Antônio Gabriel Machado
Antônio Gabriel Machado
Publicado em 03/08/2018 às 16:10
Acervo/JC Imagem
FOTO: Acervo/JC Imagem
Leitura:

A operação "Ponto Cego" da Polícia Civil cumpriu 19 mandados de prisão e 16 de busca e apreensão nesta sexta-feira (3) no Recife e Região Metropolitana. A ação teve como objetivo desarticular uma quadrilha especializada na prática de estelionato, corrupção passiva e ativa, além de lavagem de dinheiro, advocacia administrativa e furto qualificado.

Entre os acusados, sete fazem parte do sistema carcerário e comandavam os crimes dentro do presídio. Cinco mulheres foram presas além de dois advogados e um ex-PM.

O alvo da quadrilha era na maioria idosos que utilizavam terminais eletrônicos para transações bancárias. Os acusados estavam sendo investigados desde o início do ano.

"Nós temos dois advogados, indivíduos que fazem trocas de cartões em cima de idosos. Se aproximavam e faziam a troca desses cartões. Foi identificado também empréstimos, cheques de terceiros. Uma quadrilha que tem foco em prejuízo as vítimas", disse o delegado Nelson Mota, a frente do caso.

A quadrilha também está relacionada com o furto de energia elétrica. "Um dos líderes está preso. Um dos alvos estaria praticando furto de eneriga elétrica, por isso solicitamos o apoio da Celpe", comentou o delegado.

A polícia também apreendeu carros de luxo, computadores e documentos. As apreensões foram levadas para o departamento de repressão aos crimes patrimoniais.

Saiba mais com a repórter Juliana Oliveira


Mais Lidas