Desemprego

Entre os 27 mi em desemprego no Brasil, 5 mi desistiram de buscar trabalho


Taxa de desalento cresce no Brasil após mais de 27 milhões de brasileiros serem registrados em desemprego

Antônio Gabriel Machado
Antônio Gabriel Machado
Publicado em 16/08/2018 às 10:00
Fonte: Agência Brasília
FOTO: Fonte: Agência Brasília
Leitura:

Dos 27,6 milhões de brasileiros desempregados, cerca de 4,8 milhões de pessoas se encontram em situação de desalento, quando desistem de procurar emprego. O número é recorde no país desde 2012. Em 2017 eram 4 milhões de pessoas nessa situação.

O dado é proveniente da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad), divulgado nesta quinta-feira (16) pelo IBGE. A pesquisa teve início em 2012 e essa é a maior taxa de desalentados desde então.

Também entra na taxa dos desalentados aqueles que ficaram fora de um trabalho por não conseguir uma ocupação considerada adequada, não ter experiência ou qualificação paras as vagas ou ser considerado muito jovem ou muito velho.

Em porcentagem, o número de desalentados chega a 4,5%. Alagoas e Maranhão são os dois estados com o maior número de pessoas nessa situação. Rio de Janeiro e Santa Catarina são os dois estados com menor taxa.

Maior desemprego e menos carteira assinada

O mesmo Pnad mostrou que cerca de 27,6 milhões de brasileiros estão desempregados. O percentual de pessoas com carteira assinada também caiu, saindo de 75,8% para 74,9%.


Mais Lidas