Eleições

Para barrar candidatura de Lula, Bolsonaro entra com pedido no TSE


Jair Bolsonaro (PSL) lidera as pesquisas de intenção de voto num cenário sem Lula na corrida presidencial

Antônio Gabriel Machado
Antônio Gabriel Machado
Publicado em 16/08/2018 às 14:35
Foto: Agência Brasil
FOTO: Foto: Agência Brasil
Leitura:

O candidato Jair Bolsonaro (PSL) entrou com um pedido formal ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) com o objetivo de barrar a candidatura do ex-presidente Lula (PT). A ação foi anexada ao processo de candidatura do petista na tarde desta quinta-feira (16).

Bolsonaro também pediu celeridade para que a candidatura de Lula seja barrada por considerar que verificar a inelegibilidade do candidato decorre de prova documental. Com isso, ele considera desnecessária a abertura de prazos e manifestações.

"É de conhecimento geral que Luiz Inácio Lula da Silva foi condenado. Restou comprovado que o ex-presidente participou de um grande esquema de corrupção", diz o documento.

Bolsonaro e sua coligação ainda dizem que 'não é possível desconsiderar o clamor popular despertado pela candidatura impugnada'. "E muito menos o fato de que o candidato em questão, com o apoio de seus seguidores, vem adotando uma postura de vítima de um sistema judicial que considera parcial e perseguidor, levantando dúvidas acerca da legitimidade do processo que culminou com a sua condenação, bem como da inviabilidade da candidatura impugnada".

O candidato ainda elogiou as ações a Operação Lava Jato.

Bolsonaro é líder nas pesquisas em Lula

Sem Lula na disputa ao Planalto, Bolsonaro tem 17% das intenções de voto, segundo pesquisa do Ibope divulgada no final de junho. Com Lula, o petista tem 33% da intenção dos votos e o deputado fica com 15%.


Mais Lidas