Polícia prende suspeitos de torturar uma família durante o feriadão

Caso aconteceu na praia de Mangue Seco, em Igarassu, no último feriadão de 7 de setembro. Suspeitos foram para o Cotel

CRIME
Polícia prende suspeitos de torturar uma família durante o feriadão

Caso foi apresentado pela Polícia Civil nesta terça-feira (11) - Foto: Divulgação/Polícia Civil

Quatro homens suspeitos de assaltar e torturar uma família que acampava noa praia de Mangue Seco, em Igarassu, na Região Metropolitana do Recife, durante o último feriado de 7 de setembro, foram presos nesta segunda-feira (10).

A Polícia Civil apresentou detalhes do caso em coletiva no Recife nesta terça-feira (11). Wilierme de Souza Silva, de idade não divulgada, Jefferson Manoel da Silva, 18, Elijeferson Antonio de Lima, 25, e Edson Gouveia dos Santos, 28, são suspeitos de cometer o crime.

"São elementos de alta periculosidade. Chegaram por volta das quatro da manhã e tomaram duas crianças de refém, ameaçando matá-las. Eram 20 pessoas, mas nem todos reagiram, justamente por conta dessa ameaça", disse o delegado Davi Medeiros, titular da delegacia de Igarassu.

Cinco das vítimas foram feridas durante a investida. De acordo com o delegado os suspeitos ameaçaram furar os olhos e quase deceparam os dedos das vítimas.

"Esses elementos praticaram atos de atrocidades. Chegaram a querer furar o olho de uma das vítimas. Outras pessoas foram atendidas na Restauração com os dedos quase decepados", disse o delegado.

Os quatro foram encaminhados ao Cotel em Abreu e Lima e autuados por formação de quadrilha, tortura, roubo qualificado, formação de quadrilha e porte ilegal de armas. 

Saiba mais na reportagem de Cristiano Bassan

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.