Dia Nacional do Frevo: Apresentação de passistas tenta quebrar recorde

Nesta sexta-feira (14), Dia Nacional do Frevo, 250 passistas realizam uma apresentação coletiva no Alto da Sé, no Sítio Histórico de Olinda

COMEMORAÇÃO
Dia Nacional do Frevo: Apresentação de passistas tenta quebrar recorde

Passistas de frevo pelas ladeiras de Olinda - Foto: Acervo/ JC Imagem

Os amantes do frevo têm um motivo para cair no passo nesta sexta-feira. O Brasil celebra nesta sexta-feira (14), o Dia Nacional do Frevo, data de nascimento do jornalista Oswaldo da Silva Almeida, considerado o criador da palavra “frevo”.  Em Olinda, a festa será no Alto da Sé, no Sítio Histórico a partir das 8h com oficina de dança para turistas. O ponto alto será a apresentação coletiva com 250 passistas, o que será o novo recorde a ser incluído no Guiness Book.

No Recife, as comemorações do Dia Nacional do Frevo começam ao meio-dia, no Paço do Frevo, no bairro do Recife, com apresentação gratuita do grupo Quinteto Arraial.

Às 18h um cortejo sairá da Praça do Carmo, em Olinda, em direção à sede da Pitombeira dos Quatro Cantos.

O pesquisador musical Hugo Martins destaca que o ritmo deve ser lembrado além do período carnavalesco. A programação alusiva ao Dia Nacional do Frevo segue até domingo (16).

Confira os detalhes na reportagem de Débora Laryne:

Patrimônio Imaterial da Humanidade 

Em Pernambuco, o ritmo também é homenageado no dia 9 de fevereiro, data em que a palavra foi escrita pela primeira vez. Patrimônio Imaterial da Humanidade, o frevo é um dos símbolos do carnaval pernambucano. O ritmo é encontrado em três formas: o frevo de rua, com instrumentos musicais, o frevo canção com percussão, metais e letras e o frevo de bloco com orquestras de pau e corda e coral feminino.

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.