play_circle_outline
Debate da Super Manhã

Geraldo Freire

access_time

02:40

Super Manhã / Passando a limpo

Geraldo Freire

access_time

03:20

Consultório do Rádio Livre

Anne Barretto

play_circle_outline
Debate da Super Manhã

Geraldo Freire

access_time

02:40

Super Manhã / Passando a limpo

Geraldo Freire

access_time

03:20

Consultório do Rádio Livre

Anne Barretto

search close
CONFUSÃO

Oferta de emprego que mobilizou milhares de pessoas é falsa

A família do homem que divulgou a oferta de emprego procurou a polícia para informar que ele sofre de transtorno de bipolaridade

Mais de 2,5 mil pessoas devem comparecer à seleção de empregos em shopping que será construído no Cabo
Milhares de pessoas compareceram ao local para disputar as vagas
Reprodução/TV Jornal

A suposta oferta de emprego em um novo shopping, que levou milhares de pessoas ao Cabo de Santo Agostinho, na Região Metropolitana do Recife, nesta terça-feira (20), se trata de uma fantasia de Vitor Souza, homem que anunciou as vagas.

De acordo com o delegado Mamedes Oliveira, Vitor sofre transtornos psicológicos, recebe acompanhamento médico e por vezes cria histórias fantasiosas. 

Embora tenha inventado que construiria um shopping até o próximo dia 1º de dezembro em um espaço de galpão na cidade e que contrataria mais de 500 profissionais, o delegado afirma que até o momento não há nenhum crime cometido por Vitor. No entanto, ele reconhece que alguém pode se sentir lesado e acionar ele judicialmente na questão cível, mas não na penal.

De acordo com a polícia, Vitor teve acesso ao galpão com a confiança de pessoas que trabalham no local. Ele disse que faria uma vistoria no espaço e surpreendeu a todos marcando entrevistas e recebendo possíveis futuros empregados para o fantasioso shopping.

Os pais de Vitor prestaram depoimento ao delegado na tarde desta terça-feira, inclusive com os laudos médicos que atestam a bipolaridade que o filho é acometido.  Dona Rosângela, mãe do jovem, disse que não sabia da divulgação das vagas. "Ele tem problema, ele é bipolar (...) Ele não queria prejudicar ninguém, ele criou e achou que ia dar certo e que iria ajudar muita gente com esse emprego. Mas a mente dele criou tudo isso. Na verdade, ele não sabe a proporção que causou", disse. "Eu estou aqui para falar a verdade. Não está sendo fácil pra mim", desabafou a mãe. 

Entenda o caso

Com 700 mil desempregados no estado de Pernambuco, uma seleção de emprego levou cerca de 3 mil pessoas ao Cabo de Santo Agostinho, na Região Metropolitana do Recife. A suposta oferta de emprego seria para trabalhar em diversas áreas, em um centro de compras que vai ser construído na cidade. Vitor deu inclusive nome ao estabelecimento: Shopping Palladium.

Algumas pessoas chegaram ainda de madrugada para arriscar uma das 520 supostas vagas divulgadas pelas redes sociais. A seleção aconteceu na BR-101 Sul, em frente à Ambev. As entrevistas serão por ordem de chegada, a partir das 8h. As vagas oferecidas eram para eletricista, encanador, pedreiro, servente, gesseiro, segurança do trabalho, bombeiro civil, serviços gerais, pintor, soldador, montador de andaimes, vendedor, gerente de loja, estoquista e auxiliar administrativo. 


COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.