PAIXÃO DE CRISTO

Espetáculo da Paixão de Cristo no Marco Zero promete ser inovador


O espetáculo foi intitulado de ''Jesus, a luz do mundo'' e será encenado no Marco Zero nos dias 19, 20 e 21 de abril

Informações do JC online
Informações do JC online
Publicado em 11/04/2019 às 22:51
Brenda Alcântara / JC Imagem
FOTO: Brenda Alcântara / JC Imagem
Leitura:

O novo espetáculo da Paixão de Cristo no Marco Zero, intitulado de "Jesus, a luz do mundo" contará com novos rostos. Neste ano, o espetáculo será realizado pela Associação dos Produtores de Artes Cênicas de Pernambuco (Apacepe) e o ator Bruno Garcia foi o escolhido para encenar o papel de Jesus. A partir deste domingo (15) até a próxima quinta-feira (18), quem passar pelo Marco Zero poderá assistir ao ensaio do espetáculo a partir das 19h.

A Paixão de Cristo será realizada nos dias 19, 20 e 21 de abril, sempre às 19h. Para Garcia, interpretar Jesus é "um sonho para qualquer ator". "A estrutura do espetáculo é muito diferente. Como ele é gravado previamente, não há espaço para improvisos, modificações ou inversões de frases. As respirações estão gravadas, os tempos são sempre os mesmo. Então a gente tem que estar o tempo todo rememorando como se fosse uma música", afirmou.

Inovação

Segundo o responsável pelo texto e direção do espetáculo, Carlos Carvalho, a peça promete ser inovadora. "'Jesus, a luz do mundo', foi criado e planejado para presentar a cidade do Recife. E a forma de presentear será contando a história desse homem que mudou o curso da história do mundo. Mas para contar essa história, que todos contam, era preciso que a gente mostrasse outros enfoques dela. E aí vem as surpresas que o público verá aqui no Marco Zero", disse o diretor. "Durante o espetáculo nós teremos a presença do satanás e do anjo no meio do público", completou.

Carvalho destacou também as roupas dos personagens. "Os figurinos do espetáculo são todos feitos de tear manual. Então temos uma textura nas roupas que se parece muito com as da época. Antigamente não tinha indústria, então era tudo na mão. A gente tem esses tecidos que o público verá que tem uma textura que absorve a luz, que a trama é mais rústica. Nós teremos também uma iluminação de frente que nunca houve e efeitos especiais que o público vai gostar bastante", afirmou animado.


Mais Lidas