PROJETOS

Plano Nacional de Segurança Hídrica é lançado em Petrolina


O projeto terá investimento de mais de R$100 bi e será lançado nesta quinta-feira (11)

Pedro Guilhermino Alves Neto
Pedro Guilhermino Alves Neto
Publicado em 11/04/2019 às 11:56
Foto: Marco Aurélio / JC Imagem
FOTO: Foto: Marco Aurélio / JC Imagem
Leitura:

Durante a inauguração da nova sede da Rádio Jornal de Petrolina, na manhã desta quinta-feira (11), o comunicador da maioria, Geraldo Freire, conversou com o senador Fernando Bezerra Coelho (PSB), por telefone, e com o filho dele e prefeito da cidade, Miguel Coelho (PSB), no estúdio, sobre o lançamento do Plano Nacional de Segurança Hídrica, que será realizado nesta tarde, na cidade. O projeto prevê recursos para barragens, canais, adutoras entre outros sistemas hídricos.

“O Plano é uma carteira de obras que foram identificados em todos os estados do Nordeste para que a região possa vencer esse desafio da falta de água para consumo humano e animal”, afirmou o senador FBC.

Confira a entrevista completa com FBC:

Miguel Coelho, prefeito de Petrolina, informou que o plano deve custar mais de R$100 bilhões. "Só entre planos e obras que serão anunciados hoje, são obras superiores a R$100 bilhões entre diversos estados do Norte, Nordeste e Centro Oeste”, afirmou.

Petrolina foi escolhida pelo Ministério do Desenvolvimento Regional para ser a cidade sede do lançamento do projeto. O ministro Gustavo Canuto participa da cerimônia.

Pernambuco é o estado que mais tem obras e projetos previsto para combater estiagem e enchentes, segundo o prefeito de Petrolina.

Água

Às margens do Rio São Francisco, moradores da cidade vêm passando por um processo de limpeza desde 2017. Miguel Coelho afirma que a qualidade da água melhorou na região que banha a cidade sertaneja, porém pede colaboração dos outros cinco estados que é banhado pelo Velho Chico.

“Quando assumimos a gestão o índice de avaliação da qualidade da água era de 0,7mm³ e em dois anos de trabalho o índice subiu para 11mm³, o que mostra que a qualidade da água nas margens de Petrolina vem melhorando”, afirmou.

Confira a entrevista completa com Miguel Coelho:

Visita

Na segunda-feira (15), Petrolina também receberá a ministra da Agricultura Tereza Cristina, que passa dois dias na cidade. O objetivo da visita é avaliar possíveis investimentos para o novo centro de abastecimento municipal, como a perfuração de poços, barragens e abastecimento de água.

Confira os detalhes na matéria de Pedro Alves:


Mais Lidas