BALANÇO

PE: Nenhuma morte é registrada pela PRF na Semana Santa em 2019


Em quatro dias, 38 motoristas foram autuados no combate à alcoolemia e 20 pelo não uso da cadeirinha para crianças

Arlene Carvalho
Arlene Carvalho
Publicado em 22/04/2019 às 12:38
Divulgação/PRF
FOTO: Divulgação/PRF
Leitura:

Cinquenta e cinco acidente foram registrados pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) na Operação Semana Santa 2019. Quarenta e duas pessoas ficaram feridas mas não houve nenhuma morte entre os dias 18 e 21/04, nas rodovias federais em Pernambuco. Na mesma ação em 2018, 61 acidentes ocorreram, com 36 feridos e duas mortes.

A ação integra a Operação Lábaro, que promove ações coordenadas de segurança viária e de combate ao crime em todo o país.

Em quatro dias, foram fiscalizados 2.775 pessoas e 2.713 veículos, sendo emitidas 1.492 autuações por diversas irregularidades, como não uso do cinto de segurança (64), ultrapassagens indevidas (59), falta da cadeirinha (20) e do capacete (12). Além disso, foram registradas 982 imagens de radar por excesso de velocidade.

O combate à embriaguez ao volante contou com o apoio da Operação Lei Seca e foram realizados 1.100 testes com o bafômetro, sendo emitidas 38 autuações e presos dois motoristas que estavam sob efeito de álcool. Do total de autuações, 26 foram por recusa e 12 por constatação de embriaguez.

O acidente mais grave ocorreu na sexta-feira, à meia noite e meia, no quilômetro 73 da BR 101, em Jardim São Paulo, na Zona Oeste do Recife. Um motorista inabilitado de um carro acessou a contramão da rodovia e colidiu de frente com outro carro. O motorista que acessou a contramão ficou ferido e o passageiro do outro carro também se machucou. O condutor do automóvel atingido não se feriu. Ele realizou o teste do bafômetro e o resultado foi normal.

Abordagens educativas

A PRF alcançou 401 pessoas através de abordagens educativas, dentro de ônibus de turismo e em um coletivo adaptado para a realização de palestras. Também foram realizados 48 auxílios a motoristas que tiveram defeitos mecânicos ou se envolveram em acidentes sem vítima nas rodovias.

Durante a operação, foram recolhidos 85 veículos, 63 Certificados de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLVs) e 34 Carteiras Nacionais de Habilitação (CNHs). A fiscalização a caminhões resultou no transbordo de 40 toneladas de carga com excesso de peso e foram recolhidos 10 animais que estavam soltos nas rodovias.

A Base de Operações Aéreas da PRF, que atua em conjunto com o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), acompanhou toda a operação e os grupos especializados de combate ao crime atuaram para garantir mais segurança a motoristas e passageiros.


Mais Lidas