Biometria facial começa a funcionar em ônibus do Grande Recife

O combate às fraudes é concentrado nas modalidades estudante, livre acesso, passe livre e rodoviários

COMBATE À FRAUDE
Biometria facial começa a funcionar em ônibus do Grande Recife

Ao aproximar o cartão do validador, uma câmera instalada junto a catraca faz cinco fotos do passageiro - Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem

A biometria facial para o Vale Eletrônico Metropolitana (VEM) já está funcionando em alguns veículos do Grande Recife. Em caso de irregularidades detectadas, o cartão será suspenso em 48 horas. 

O combate às fraudes é concentrado nas modalidades estudante, livre acesso, passe livre e rodoviários. Cerca de 2900 ônibus que circulam na Região Metropolitana do Recife (RMR) já contam com a nova tecnologia. Ao aproximar o cartão do validador, uma câmera instalada junto a catraca faz cinco fotos do passageiro.

Na garagem, as imagens são repassadas à central da Urbana/PE para a verificação das informações.

Caso a biometria facial não corresponda, será feita uma checagem manual dos dados do usuário do VEM.

Cancelamento

O passageiro terá direito a defesa mas, caso fique comprovado o uso irregular, o cartão vai ser cancelado em definitivo.

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.