PRF

Homem é preso por tentar subornar policiais rodoviários federais


Na abordagem da PRF foram identificadas irregularidades tanto na documentação do veículo, quanto na documentação do condutor

Pedro Guilhermino Alves Neto
Pedro Guilhermino Alves Neto
Publicado em 26/04/2019 às 13:17
Reprodução/TV Jornal
FOTO: Reprodução/TV Jornal
Leitura:

Um homem foi preso após tentar subornar policiais rodoviários federais na noite da última quinta-feira (25). Cézar Batista da Silva, de 36 anos, estava dirigindo com destino a Arcoverde, quando foi parado pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), no KM 145 da BR-232, em São Caetano, no Agreste de Pernambuco.

Após o carro ser parado, o homem apresentou apenas uma carteira de funcional do Conselho Regional de Representantes de Pernambuco e disse que não ia apresentar o Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLV) do veículo e nem a Carteira Nacional de Habilitação (CNH). Após consultar os sistemas do Detran, foi constatado que o licenciamento do carro estava vencido desde 2014 e que a habilitação também estava vencida desde 2018.Ao ser informado da situação, o homem passou a barganhar com os policiais oferecendo R$300.

O inspetor Sandro Martins da PRF destaca que foi dada ordem de prisão. “Nós estávamos fazendo as abordagens de rotina no posto de São Caetano, quando nos deparamos com o veículo com os faróis desligados e o vidro do para-brisa com trincas. Paramos e solicitamos a documentação e ele se negou, entregando apenas a carteira do Conselho. Por meio de consulta verificamos irregularidades nas documentações. Quando informamos ao condutor que iriamos recolher o veículo, ele disse que estava disposta a dar para a gente o que estava na carteira dele, que tinha R$300 e foi dado voz de prisão de imediato”, afirmou.

Punição

César Batista da Silva vai se apresentar em audiência de custódia nesta sexta-feira (26). Caso seja condenado pode pegar de 2 a 12 anos de reclusão pelo crime de corrupção ativa.


Mais Lidas