CONSCIÊNCIA

Pesquisa: brasileiro tem falado mais sobre planejamento orçamentário


As crianças também devem ser incluídas na discussão sobre planejamento orçamentário da família

Ísis Lima
Ísis Lima
Publicado em 06/05/2019 às 13:33
Reprodução/ Internet
FOTO: Reprodução/ Internet
Leitura:

Por conta da crise, o brasileiro tem falado mais sobre planejamento orçamentário. É o que aponta uma pesquisa realizada pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC) e a Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL).

De acordo com o levantamento, 85% dos brasileiros conversam sobre finanças domésticas. Segundo a pesquisa, 51% dos entrevistados falam do assunto frequentemente. Esse número representa um aumento de sete pontos percentuais em relação ao mesmo período de 2018. A economista doméstica, Léda Litwak, destaca a importância do planejamento orçamentário nas famílias. “Todos os membros da família precisam participar e precisa ter consciência do que a família recebe, pode gastar, o que pode poupar para uma eventual necessidade”, disse.

Confira os detalhes na reportagem de Max Augusto:

Tema importante

Nesse cenário de flutuações econômicas, a especialista vê com bons olhos que o planejamento orçamentário seja falado dentro de casa. Ela também reforça a importância de incluir as crianças na educação financeira. “As crianças precisam aprender a poupar”, destacou.

Para quem ainda não começou a se planejar financeiramente, a economista dá algumas dicas. “O primeiro passo é sentar, saber quais são os proventos da família. Com esses proventos, saber o que é destinado ao pagamento dos impostos que são despesas mensais (...) A gente precisa ter a consciência de que precisa poupar”, concluiu.

[PUBLICIDADE][[PUBLICIDADE]]


Mais Lidas