ACIDENTE

Operação para a remoção de caminhão pendurado começa nesta terça (14)


O veículo está no local desde domingo (12)

Pedro Guilhermino Alves Neto
Pedro Guilhermino Alves Neto
Publicado em 14/05/2019 às 10:00
Reprodução/TV Jornal
FOTO: Reprodução/TV Jornal
Leitura:

O caminhão que ficou pendurado em uma barreira no bairro da Charneca, no Cabo de Santo Agostinho, Região Metropolitana do Recife, no domingo (12), ainda está no local. Na manhã desta terça-feira (14) é esperado um guindaste para a remoção do veículo. As empresas de telefonia e a Celpe já removeram os fios da área.

A operação para a remoção do veículo pendurado na barragem é considerada complicada, porque a rua onde ocorreu o acidente é estreita e muitos guindastes não conseguem ter acesso ao local. A operação, que deve começar nesta manhã, ainda não tem horário para encerrar.

Ana Sandra, gerente da Defesa Civil, conta que não colocaram prazo para o encerramento dos trabalhos, porque o objetivo é a segurança. “A gente não tem pressa para encerrar a operação, porque o importante é que seja feito com segurança. Vamos precisar remover as pessoas que moram ao redor do local para resguardar a vida das pessoas. O importante é que saia tudo bem”, afirmou.

Confira os detalhes na matéria de Leonardo Baltar:

A gerente explica também o que está sendo feito com a família com as pessoas que tiveram a casa atingida. “A maioria das famílias do bairro são acompanhadas pelo Cras, que já fez a visita, identificou a situação e vai fazer um estudo socioeconômico para saber qual benefício essas famílias podem ser contempladas”, detalhou a gerente.

As famílias que forem removidas do local durante a operação só vão poder voltar para as suas residências depois que a Defesa Civil autorizar o retorno.

Entenda o caso

O veículo era um caminhão de mudanças que fazia o transporte dos móveis de um morador da região. Segundo testemunhas, o motorista teria descido do caminhão para ver a ladeira, mas ao retornar, o veículo já havia descido e causado o acidente.


Mais Lidas