Camaragibe

Operação desarticula organização suspeita de participar de morte em Aldeia


Polícia cumpre mandados de prisão na manhã desta sexta-feira em Camaragibe; presos podem ter participado da morte do empresário Mário Gouveia

Priscila Miranda
Priscila Miranda
Publicado em 17/05/2019 às 8:01
Reprodução/Rádio Jornal
FOTO: Reprodução/Rádio Jornal
Leitura:

A Polícia Civil de Pernambuco deflagrou, na manhã desta sexta-feira (17) a Operação Punisher. O objetivo é cumprir mandados de prisão contra suspeitos de integrar uma organização criminosa, suspeito de diversos crimes: homicídio, latrocínio, tráfico de armas, constituição de milícia privada, tráfico de drogas, roubo qualificado e organização criminosa.

Ao todo, estão sendo cumprido 12 mandados de prisão e sete de busca e apreensão. Os presos estão sendo trazidos para a sede da Delegacia de Camaragibe.

Caso Aldeia

As informações iniciais apontam que os presos hoje podem ter envolvimento com a morte do empresário Mário Cavalcante Gouveia Junior, de 79 anos, que aconteceu no dia 23 de abril no Parque Aquático Águas Finas, onde o empresário morava.

O crime aconteceu na madrugada, quando cerca de 15 homens participaram da ação. O que se sabe até agora é que, entre os presos, há um homem, que fabricava e fazia manutenção de armas em Aldeia.


Mais Lidas