SERVIÇO

Mulheres vítimas de violência podem fazer cirurgia reparadora no Recife


O serviço é gratuito e para ser atendida é necessário levar o Boletim de Ocorrência

Pedro Guilhermino Alves Neto
Pedro Guilhermino Alves Neto
Publicado em 22/05/2019 às 9:57
SES/Divulgação
FOTO: SES/Divulgação
Leitura:

O Hospital Agamenon Magalhães, localizado na Zona Norte do Recife, está oferecendo um serviço de cirurgia plástica para mulheres vítimas de violência. O trabalho atende pacientes que sofreram lesões e que precisam de cirurgia reparadoras.

A gerente do serviço de Apoio à Mulher Wilma Lessa, Mônica Gomes, explica como funciona o trabalho das cirurgias reparadoras. “Desde 2007, o estado de Pernambuco tem uma lei que garante cirurgias plásticas reparadoras para mulheres vítimas de violência. O serviço é 24 horas de domingo a domingo e tem um atendimento psicológico por tempo indeterminado para as mulheres que foram vítimas”, afirmou a gerente.

Para ser atendida pelo serviço, a mulher precisa levar o Boletim de Ocorrência (BO), como explica Mônica Gomes. “A lei exige que a mulher comprove que a deformidade que a vítima comporta tenha sido decorrente de uma violência doméstica e terá uma preferência para ser atendida”, completou.

Confira os detalhes na matéria de Lilian Fonseca:

O serviço funciona dentro do complexo do Hospital Agamenon Magalhães, na Estrada do Arraial, em Casa Amarela, Zona Norte do Recife. Para mulheres que tenham interesse no serviço e querem obter outras informações é só entrar em contato pelos números (81) 3184-1739 ou 3184-1740.


Mais Lidas