EDUCAÇÃO

UFPE altera pesos e notas mínimas de cursos no Sisu 2020

Entre os cursos estão medicina e direito

Pedro Guilhermino Alves Neto
Pedro Guilhermino Alves Neto
Publicado em 18/06/2019 às 11:10
Arquivo/Agência Brasil
FOTO: Arquivo/Agência Brasil
Leitura:

A Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) divulgou, nesta terça-feira (18), algumas mudanças em pesos e notas mínimas de 1414 cursos no Sistema de Seleção Unificada (Sisu). O Sisu teve mais de 4.122.654 milhões de inscrições em 2018.

Medicina e direito no campus Recife, dois dos cursos mais concorridos, tiveram alterações. Em medicina, a prova da redação do Enem passa a ter peso 2 e nota mínima 450. A prova de matemática também terá peso 2 e nota mínima 450. Linguagens permanece com peso 2, mas a nota mínima subiu para 500. Ciências humanas continua com peso 1 e passa a ter nota mínima 450. Ciências da natureza terá peso 3 e nota mínima 500.

Para os feras de direito, houve mudança na nota mínima de redação: 600. O peso continua 3. Em matemática e ciências da natureza não mexeram na pontuação (peso 1 e nota 350 para ambos). Linguagens mudou o peso, agora será 3 e a nota mínima passa a ser 500. O teste de ciências humanas valerá peso 2, com no mínimo 500 pontos.

O Sisu é atualmente a principal forma de ingressar na instituição. Para se inscrever no Sisu é preciso antes fazer o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). O Enem será realizado nos dias 3 e 10 de novembro.

Outros cursos

Biomedicina, ciências atuariais, bacharelado em ciências biológicas, ciências ambientais, ciências contábeis, ciências sociais (bacharelado e licenciatura), nutrição, pedagogia, serviço social, sistemas da informação e turismo foram os outros cursos de Recife com mudanças.

Em Caruaru, a única alteração foi na graduação em comunicação social. No campus de Vitória de Santo Antão a UFPE não alterou nenhum curso.

Mais Lidas