CATOLICISMO

Festa de Nossa Senhora do Carmo começa no dia 6 de julho


Este ano, a festa de Nossa Senhora do Carmo comemora 100 anos da coroação canônica da padroeira do Recife

Ísis Lima
Ísis Lima
Publicado em 29/06/2019 às 16:42
Felipe Jordão / JC Imagem
FOTO: Felipe Jordão / JC Imagem
Leitura:

Neste ano, cerca de 500 mil fiéis devem passar pela Basílica do Carmo, no centro do Recife, para celebrar o centenário da coroação canônica de Nossa Senhora do Carmo, padroeira da capital pernambucana. As comemorações se iniciam no próximo dia 6 de julho e seguem até o dia 16, totalizando 10 dias de festa, com mais de 100 celebrações marcadas.

No dia 1º de julho será realizada a abertura da exposição fotográfica “Rainha de Pernambuco: uma memória da coroação canônica de Nossa Senhora do Carmo”, com a entrada custando R$ 4, em alusão aos 100 anos que a santa foi canonizada.

Um livro com o mesmo nome da exposição, publicado pela Companhia Editora de Pernambuco (Cepe), será lançado em Agosto, a partir do trabalho de curadoria do frei Cristiano Garcia, historiador da Ordem do Carmo e diretor do Museu Carmelitano de História Natural, de escritos de outros confrades sobre a coroação.

Na história, Nossa Senhora do Monte Carmelo, ou para os devotos mais íntimos, nossa Senhora do Carmo é o título dado à Maria, Mãe de Jesus, em honra da função dela como padroeira da ordem carmelita.

O reitor da Basílica do Carmo, Frei Rosenildo Alexandre, lembra como se deu a coroação canônica da padroeira recifense. Confira os detalhes na reportagem de Tiago Barreto:

Campanha dos sinos

A campanha para a troca dos sinos foi iniciada em maio. O valor estimado é de R$ 160 mil reais e a expectativa é que a inauguração dos novos sinos aconteça no dia 21 de setembro, para marcar o dia exato do centenário. As doações podem ser feitas por meio de rifas, que podem ser compradas na basílica, ou por depósito bancário (agência: 1850-3, conta corrente: 14.273-5, CNPJ: 10.946.424/0004-40).

Ainda segundo Frei Rosenildo, este é um momento importante para os devotos, que buscam agradecer as graças alcançadas através da santa.

323ª festa

Esta é a edição de número 323 da festa em homenagem à padroeira do Recife. E entre as atrações musicais, que vão estar presentes nos 10 dias de celebrações, estão os cantores Almir Rouche, Dudu do Acordeon, Padre Damião Silva, Padre João Carlos e A Cantora Católica Adriana Arydes, do Rio de Janeiro. Bispos de todo o estado também virão ao Recife fazer parte da festa.


Mais Lidas