TRÁFICO DE DROGAS

Homem é preso após PF encontrar quase 2 kg de supermaconha sob roupas

O skunk, conhecido como supermaconha pelo alto teor de THC, seria entregue em Natal, no Rio Grande do Norte

Ísis Lima
Ísis Lima
Publicado em 26/07/2019 às 16:29
Divulgação/PF
FOTO: Divulgação/PF

Um jovem de 20 anos foi preso em flagrante no Aeroporto Internacional do Recife com 1,9 kg de skunk, também conhecida como “supermaconha”. A prisão do jovem, que é natural de Manaus, no Amazonas, ocorreu na terça-feira (23), mas só foi divulgada nesta sexta, pela Polícia Federal.

O assessor de comunicação da Polícia Federal de Pernambuco, Giovani Santoro, explicou que a prisão dele aconteceu durante uma fiscalização de rotina para reprimir o tráfico internacional e doméstico de entorpecentes.

Giovani Coque, quando preso, o jovem apresentou uma história que não se sustentava. Ele disse que iria ficar na casa de um amigo, mas não informou nem o endereço e nem o nome da pessoa que o receberia.

Ao ser revistado, a PF encontrou a supermaconha colocada no corpo do jovem.

Segundo Giovani Santoro, em depoimento, o suspeito detalhou o percurso que a droga iria fazer. “É importante salientar que não é a primeira que ele faz esse tipo de transporte. Ele disse que já é a terceira vez e das outras vezes conseguiu entregar esse entorpecente no seu destino final que era Natal, no Rio Grande do Norte”, disse.

Daqui do Recife, o jovem iria pegar um ônibus para Natal, onde entregaria a droga e receberia R$ 2.600.

Confira os detalhes na reportagem de Max Augusto:

Prisão em flagrante

O homem foi preso em flagrante e levado para a Superintendência da Polícia Federal, no Cais do Apolo, no centro do Recife. Ele foi autuado pelo crime de tráfico interestadual de entorpecentes, por ter transitado com a droga de um estado para o outro. Caso seja condenado ele pode pegar pena que varia entre 5 a 15 anos de reclusão.