MAUS TRATOS

Cadela é atacada com soda cáustica por mulher em Belo Jardim


Animal teria tentado se proteger da chuva na porta da casa da suspeita

Pedro Guilhermino Alves Neto
Pedro Guilhermino Alves Neto
Publicado em 31/07/2019 às 9:30
Reprodução/Facebook
FOTO: Reprodução/Facebook
Leitura:

Uma mulher que não teve seu nome revelado foi encaminhada à Delegacia de Polícia para prestar esclarecimentos sob a suspeita de atirar soda cáustica em uma cadela na cidade de Belo Jardim. O caso aconteceu no último domingo (28).

A vira-lata, batizada de Vitória, foi resgatada por um grupo de moradores do município e foi encaminhada para uma clínica veterinária, onde recebeu os primeiros socorros. A mulher prestou depoimentos na delegacia e poderá responder pelo crime de maus tratos. Ela pode ser enquadrada na Lei 9605/98 dos crimes ambientais no artigo 32 que diz “praticar ato de abuso, maus-tratos, ferir ou mutilar animais silvestres, domésticos ou domesticados, nativo ou exóticos geram uma pena de detenção de seis meses ou um ano e multa”.

A cadela apresenta anemia severa e está com as plaquetas baixas. O tratamento está sendo feito com analgésicos e antibióticos e foram feitos curativos no corpo do animal. De acordo com Ayanne Chaves, uma das integrantes do grupo que socorreu Vitória, a cachorrinha teria sido atacada porque estaria se amparando da chuva na porta da casa da mulher.

Confira os detalhes na matéria de Nildo Lucena:

Outro ataque

Ainda de acordo com o que foi informado ao grupo voluntário, esta não foi a primeira vez que o animal recebeu agressões por parte da mesma mulher. Anteriormente, a suspeita teria agredido a cadela com pauladas e jogado água quente sobre o animal.


Mais Lidas