Tema do Grito dos Excluídos de Pernambuco dá destaque à vida

Concentração do Grito dos Excluídos ocorre tradicionalmente na Praça do Derby

PROTESTO
Tema do Grito dos Excluídos de Pernambuco dá destaque à vida

Protesto reúne milhares de pessoas no Recife - Foto: João Carvalho/ TV Jornal

Milhares de pessoas estão reunidas na Praça do Derby, na área central do Recife, para participar do 25º Grito dos Excluídos em Pernambuco, neste sábado (7). A ação é promovida pela CUT em conjunto com o Movimentos dos Trabalhadores Cristãos (MTC) e outros movimentos populares e entidades da sociedade civil organizada.

A concentração começou às 8h30. O tema deste ano é “A vida em primeiro lugar” e o lema é “Esse sistema não vale! Lutamos por justiça, direitos e liberdade”.

O arcebispo de Olinda e Recife, Dom Fernando Saburido, diz que o encontro teve início na igreja. “Foi a partir de uma campanha da fraternidade que começou o Grito, que continua ainda tendo o apoio da CNBB. Por isso estamos aqui para nos juntarmos aos movimentos sociais para demonstrar nossa inquietação com relação à situação de exclusão que continua vivendo o nosso país”, disse.

Dom Fernando Saburido participa do ato
Dom Fernando Saburido participa do ato
João Carvalho/ TV Jornal

Dom Fernando lamentou a tentativa de retirada do Assentamento Normandia, em Caruaru, no Agreste de Pernambuco. “É uma situação realmente triste que está acontecendo, aquele povo estava ali há tantos anos e, de repente, ser ceifado desse direito [à moradia]. Isso é uma coisa triste”, disse.

Confira os detalhes:

Paulo Rocha, presidente da CUT, critica os ataques que estão sendo realizados contra a população brasileira e, em especial, os trabalhadores. Confira:

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.