play_circle_outline
Super Manhã / Passando a limpo

Geraldo Freire

access_time

03:20

Consultório do Rádio Livre

Anne Barretto

access_time

04:00

Nossa Saudade

Tony Araújo

play_circle_outline
Super Manhã / Passando a limpo

Geraldo Freire

access_time

03:20

Consultório do Rádio Livre

Anne Barretto

access_time

04:00

Nossa Saudade

Tony Araújo

search close
Tráfico

Casal é preso suspeito de vender drogas por Whatsapp em Caruaru

Jovens, de 19 e 18 anos, foram presos em flagrante e confessaram os crimes

Casal é preso suspeito de vender drogas por Whatsapp em Caruaru
A negociação era feita via Whatsapp - Foto: Reprodução/Rádio Jornal

Um casal foi preso em Caruaru suspeito de comercializar drogas através do aplicativo de mensagens WhatsApp. De acordo com a Polícia Militar, Raquel Maciel Barbosa, de 19 anos, e José Adriano André Barbosa dos Santos, de 18 anos, foram presos em flagrante em frente a um condomínio residencial na Avenida Brasil no Bairro Universitário, nesta quarta-feira (11). 

Com o casal, foram encontradas sete bolsas com maconha, 15 papelotes prontos para venda e uma quantia de R$ 38 em dinheiro. O policial militar Stanley destaca como foi a ação da PM. “Recebemos a informação de que ali na Avenida Brasil estaria uma mulher que ela ia fazer uma carga de drogas naquele local. Fizemos ali uma campana e visualizamos a mulher em atitude suspeita. Ao fazer a abordagem, encontramos quatro bolsas, que eles chamam de cinquentinha com ela, que informou que realmente iria fazer essa entrega com o marido dela. Nos deslocamos até a residência dela e encontramos lá mas três bolsas da cinquentinha, mais 15 papelotes de maconha, uma quantia em dinheiro e também foi encontrado o marido dela que assumiu tudo.”

O delegado Igor Carvalho explica que o casal foi autuado em flagrante pelos crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico. “Tendo em vista que era um casal, será apresentado em audiência de custódia. A moça fazia entrega das encomendas dos clientes de tráfico de drogas do rapaz. Eles atuavam juntos: ele comprava droga na boca e fazia a revenda e ela era responsável pela entrega da droga.”


COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.