Morre 13ª vítima de incêndio no Hospital Badim no Rio

Hospital Badim foi atingido por um incêndio, iniciado no gerador de energia da unidade, na última quinta-feira (12)

TRAGÉDIA
Morre 13ª vítima de incêndio no Hospital Badim no Rio

Vítimas do incêndio foram encaminhadas para o hospital dos bombeiros - Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil

Morreu na madrugada desta terça-feira (17) mais uma vítima do incêndio ocorrido na quinta-feira (12) no Hospital Badim, na Tijuca, zona norte do Rio de Janeiro

A paciente Áurea Martins de Oliveira havia sido transferida para o Hospital Samaritano, em Botafogo, mas não resistiu.

Na manhã desta segunda-feira (16) outra paciente, transferida para o Hospital Copa D’Or, morreu. Com isso, a tragédia soma 13 mortos.

A Polícia Civil fez uma perícia ontem no local do incêndio, e o trabalho deve continuar hoje. Os funcionários também iniciaram a limpeza do prédio que não foi afetado pelas chamas.

Incêndio teve início em gerador 

Os peritos da Polícia Civil constataram que o incêndio que matou 12  pessoas na última quinta-feira (12) no Hospital Badim, no Rio de Janeiro, começou no gerador de energia da unidade. Eles estiveram no sábado (14) no subsolo do prédio incendiado e recolheram peças do equipamento.

Segundo os peritos, é preciso, no entanto, esperar que a empresa responsável pela manutenção dos geradores retire uma peça específica do equipamento. Essa peça será levada ao laboratório do Instituto de Criminalística Carlos Éboli, da Polícia Civil, e analisada, para que se conheça a causa do incêndio. Ainda não é possível apontar os responsáveis.  

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.