Polícia desarticula grupo especializado em aplicar golpes após compra em site

Golpes eram aplicados pelos entregadores, que forjavam falhas no produto adquirido pelos sites de venda

CONSUMIDOR
Polícia desarticula grupo especializado em aplicar golpes após compra em site

O inquérito foi concluído pela delegacia do consumidor - Foto: Acervo/JC Imagem

Um grupo suspeito de praticar estelionato foi desarticulado pela Delegacia do Consumidor, no Recife. De acordo com polícia, os integrantes eram funcionários terceirizados de uma transportadora, que fazia a entrega de aparelhos eletrônicos, como TVs e celulares, comprados em lojas virtuais.

Os entregadores simulavam defeitos nos objetos, para que o consumidor fizesse a devolução através da transportadora. Após o recolhimento, os suspeitos corrigiam o problema do aparelho e colocavam o item à venda no site OLX.

A delegada Beatriz Gibson explica que um esquecimento por parte dos golpistas fez com que o esquema fosse descoberto. “Nós tomamos conhecimento através de uma pessoa que tinha comprado no site uma televisão e ao chegar em casa a televisão não funcionou, ela fez contato, a empresa disse que vinha fazer a coleta, normalmente a empesa dá um prazo de 48 horas até 10 dias”, contou. “No outro dia foi realizada a coleta, cópia da nota fiscal, documento com o timbre da loja e ela entrou a TV. Eles retiravam o cabo de áudio e vendiam essa TV na OLX. Só que eles esqueceram de colocar o cabo de áudio”, completou.  

Segundo a polícia, pelo menos quatro consumidores caíram no golpe. A quadrilha agia no recife, na região metropolitana do Recife e em cidades do interior do estado. Duas pessoas foram indiciadas pelo crime de estelionato.

De acordo com a delegada, o homem suspeito de aliciar os funcionários da transportadora para cometerem os crimes está sendo procurado.

Denúncia

Quem tiver informações sobre o suspeito ou denúncia a fazer em relação a este golpe, deve entrar em contato com a delegacia do consumidor pelo número 3184-3835.

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.