OPERAÇÃO

Operação desarticula três organizações criminosas em Timbaúba


As quadrilhas atuavam no tráfico de drogas, comércio ilegal de armas de fogo e homicídios

Publicado em 03/10/2019 às 13:56
Reprodução/TV Jornal
FOTO: Reprodução/TV Jornal
Leitura:

A Polícia Civil divulgou na manhã desta quinta-feira (3) os detalhes de três operações realizadas na Zona da Mata Norte do Estado, que desarticularam organizações criminosas envolvidas com homicídios e tráfico de drogas. As investigações iniciaram há um ano e meio e até essa quarta-feira (2), quando a operação foi deflagrada, 67 pessoas já foram presas ou apreendidas.

A Polícia começou as investigações após um furto ao Fórum de Timbaúba na Mata Norte do Estado, onde foram levadas armas e drogas. “As investigações iniciaram a partir de um furto que ocorreu no Fórum de Timbaúba em 15 de março de 2018. No decorrer das coletas de ouvidas de testemunhas, ficou configurada a existência de uma facção criminosa que poderia estar envolvida com o furto do fórum. A partir dessas investigações, conseguimos detectar a existência de mais duas organizações criminosas existentes em Timbaúba”, disse o delegado da cidade, Rodrigo Leite.

De acordo com o delegado, os três grupos não têm relação entre si, mas praticavam os mesmos crimes na região. “Eram grupos que atuavam de forma distinta, em localidades distintas e eram rivais. Mas tinham alguns momentos que eles se tornavam aliados. Então houve instabilidade na relação entre eles. De toda forma, a localidade preponderante onde eles atuavam eram distintas. Atuavam em um bairro com mais frequência, e principalmente no tráfico de drogas, comércio ilegal de armas de fogo e homicídios”, explicou.

Durante as operações foram apreendidas armas, munições, drogas, uma quantia em dinheiro, celulares, balança de precisão e rádios de comunicação. Os três líderes das associações estão presos. Cinco pessoas estão foragidas.

Confira a reportagem de Lilian Fonseca:


Mais Lidas