Militares da Marinha iniciam limpeza das praias de Pernambuco

Antes de iniciar a limpeza das praias, os militares receberam orientações do Ibama

NORDESTE
Militares da Marinha iniciam limpeza das praias de Pernambuco

A praia de Sirinhaém foi a primeira a receber os fuzileiros navais - Foto: TV Jornal

Os militares da Marinha começaram nesta segunda-feira (11) o trabalho de limpeza e monitoramento dos manguezais e estuários atingidos pelo óleo no litoral pernambucano. A praia de Sirinhaém, no Litoral Sul do Estado, foi a primeira a receber os fuzileiros navais. Os 700 militares desembarcaram no Porto de Suape neste domingo (10).

O capitão de corveta Ramon Silva do Nascimento disse que está sendo realizado um monitoramento das áreas para saber quais ainda precisam de limpeza e as equipes estão utilizando embarcações para fazer as buscas.

Segundo o capitão de corveta, as áreas de mangue necessitam de um trabalho mais delicado e os militares receberam orientação do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) antes da limpeza.

Confira os detalhes no flash de Isa Maria:

Óleo no Nordeste 

De acordo com a Polícia Federal, o navio Bouboulina, da Grécia, é o principal suspeito pelo derramamento de óleo que atingiu as praias do Nordeste.  A conclusão foi tomada a partir da localização da mancha inicial. Além disso, foi identificado que um único navio petroleiro navegou pela área suspeita, entre os dias 28 e 29 de julho, possível período em que o vazamento ocorreu.

Praias em Pernambuco

O Governo de Pernambuco informou que as praias atingidas pelo óleo no Estado estão aptas para o banho. A confirmação foi dada através do resultado das análises de águas. Ao todo, foram examinadas amostras de 16 praias e todas foram consideradas próprias para o banho.

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.