SEGURANÇA

Polícia investiga furto ao Centro de Documentação Dom Helder Câmara


O Centro de Documentação Dom Helder Câmara fica localizado no bairro da Boa Vista, na área central do Recife

Ísis Lima
Ísis Lima
Publicado em 04/01/2020 às 11:20
Bobby Fabisak/ JC Imagem
FOTO: Bobby Fabisak/ JC Imagem
Leitura:

A Polícia Civil investiga o furto ao Centro de Documentação Dom Helder Câmara (CEDHOC), que fica localizado no bairro da Boa Vista, área central do Recife, que aconteceu na madrugada desta sexta-feira (3). O caso foi registrado na Delegacia do Espinheiro e a delegada Silvana Carla solicitou ao Instituto de Criminalística, a pericia no local do fato. O caso será investigado pela Delegacia da Boa Vista.

Os funcionários do Centro de Documentação Dom Helder Câmara, ao chegarem para trabalhar, encontraram o espaço vandalizado. Ainda segundo eles, foram levados quatro monitores de computadores, dois notebooks, um data show e uma máquina de calcular elétrica. Na ocasião, gavetas e armários também foram abertos e objetos jogados no chão.

Uma pintura de Dom Helder foi arrancada da parede e papéis foram espalhados por todos os lados.

Sem funcionar

Criminosos levaram objetos e vandalizaram o local
Criminosos levaram objetos e vandalizaram o local
Cortesia

Durante a ação, os suspeitos cortaram a fiação elétrica e de telefone e quebraram o cano de água, subindo por ele para acessar o local pela caixa do ar-condicionado. Sem água, luz e equipamentos, o CEDHOC está sem poder funcionar. O CEDHOC/IDHEC pede a ajuda e colaboração da população pois não tem como arcar o que foi roubado.

Centro de Documentação Dom Helder Câmara

O Centro de Documentação Dom Helder Câmara faz parte do Instituto Dom Helder Câmara (IDHeC), uma instituição sem fins lucrativos, e trabalha na manutenção do acervo arcebispo emérito de Olinda e Recife. Também fazem parte do IDHeC, além do CEDOCH, o Memorial Dom Helder Câmara e a Casa de Frei Francisco.

O CEDHOC guarda esse acervo, que é composto pelos originais dos escritos de Dom Helder, cerca de 18 mil fotos, jornais, revistas, enfim, toda a história de Dom Helder, contada através dos escritos dele, de matérias de jornais, revistas e televisão. É um acervo de um valor inestimável, pois é a história de Dom Helder que está ali preservada.

Nota da Polícia Civil

A Polícia Civil registrou na tarde desta sexta (03), um furto ao Instituto Dom Helder Câmara, localizado no bairro da Boa Vista, Recife. Segundo informações preliminares prestadas pelos representantes do museu, o local foi arrombado na madrugada desta sexta (03), e foram subtraídos alguns objetos eletrônicos. O caso foi registrado na Delegacia do Espinheiro e a delegada Silvana Carla solicitou ao Instituto de Criminalística, a pericia no local do fato. O caso será investigado pela Delegacia da Boa Vista.


Mais Lidas